Casa 3D de Bio Plásico

img-destaque

Está cada vez mais fácil viabilizar projetos com a tecnologia das impressoras 3D.
O estúdio holandês DUS Architects situado Amsterdã em imprimiu uma pequena “casa” de oito metros quadrados e está convidando pessoas para passar a noite e ter esta experiência.

Para confeccionar o projeto entitulado “3D Print Urban Cabin”, foi utilizado bio-plástico sustentável. O projeto se destina a demonstrar como este tipo de fabricação pode oferecer soluções para a habitação temporária ou auxílio em desastres.

Quando a cabine não é mais necessária, ela pode ser destruída e quase todos os materiais podem ser reutilizados.
“Após a utilização, o material bio-plástico pode ser retalhado e inteiramente re-impresso em novos modelos. A técnica de construção é uma pesquisa para soluções de habitação compactas e sustentáveis para ambientes urbanos”, disse a equipe.

O estúdio de arquitetura com sede em Amsterdã, atualmente está nos estágios finais de um projeto para construir uma casa de canal toda impressa em 3D. Este projeto menor, oferece uma visão do que pode ser realizado com a tecnologia.

Localizado numa antiga área industrial, a pequena “casa” contém apenas 25 metros cúbicos de área – muito menos do que o micro casa média.

Uma janela perfura uma extremidade, enquanto outra abertura integra uma entrada e uma área de estar/varanda.
As paredes são modeladas com protuberâncias angulares que criam uma superfície tridimensional, dando ao edifício estabilidade estrutural.
Todas estas superfícies são pretas, graças ao bio plástico – um produto fabricado com óleo de linhaça como seu componente principal que os arquitetos têm desenvolvido com a empresa Henkel.
A “casa” cabine contém espaço suficiente para uma cama, embora ela possa ser dobrada para um assento durante o dia.
Não há espaço para um banheiro, mas uma grande banheira tembém impressa em 3D está localizada no jardim.
DUS Architects revelou pela primeira vez designs 3D em 2013 e pretende finalizar a casa de canal no início de 2017.

Para quem estiver pretendendo visitar Amsterdã, a cabine está disponível para alugar para pernoites.
Que tal experimentar sua futura cada 3D?
Contato: info@houseofdus.com

Chasing_Coral_1_1024x1024

Chasing Coral é um filme-documentário escrito por Jeff Orlowski e produzido pela Exposure Labs, uma equipe de mergulhadores, cientistas e fotógrafos que documentaram o desaparecimento de recifes de corais em todo o mundo em uma taxa sem precedentes. É uma aventura oceânica emocionante, que revela mistérios do mundo submarino e nos leva a reflexão.
Leia Mais

ODAs Rheingold Project no Brooklyn

destaque

O bairro de Bushwick do Brooklyn está sendo preparado para receber um vasto conjunto habitacional concebido como uma “aldeia europeia” pelo escritório de arquitetura ODA de Nova Iorque.
Leia Mais

The Ocean Cleanup

SLIDER-4b

São 8 milhoes de toneladas de plástico que entram nos mares anualmente pelo mundo. Parte deste material se acumula em 5 áreas onde as correntes convergem no chamado Great Pacific Garbage Patch.

Veja o que está sendo feito para resolver o problema.

Leia Mais

Ao invés de persuadir, mude o comportamento do cliente.

harvard7

A maioria das empresas subestima o quão difícil é mudar o comportamento das pessoas.
Existe uma suposição construída para a maioria das campanhas de marketing e publicidade que, se uma empresa pode apenas chamar a atenção do cliente, dar-lhe uma peça crucial de informação sobre a marca, informá-lo sobre novos recursos, ou associar a marca com emoções diferentes, será suficiente para convencê-lo a comprar algum produto.

Com base nesse pressuposto, a maioria dos departamentos de marketing se concentra muito na persuasão.
Cada interação com um cliente em potencial é projetada para mudar suas crenças e preferências e, uma vez que o cliente está convencido da superioridade de um produto, ele naturalmente fará a compra. Feita a compra, acreditam que isso se repetirá no futuro.
Leia Mais

Echomundo participa da Marcha Mundial do Clima no Rio de Janeiro.

slider

Milhares de pessoas, em mais de cem países, saíram às ruas neste sábado (29) por um planeta mais sustentável, na 3ª edição da Mobilização Mundial Pelo Clima. No Rio, o ato liderado pelo The Climate Reality Project e Centro Brasil no Clima foi concentrado na porta do Museu do Amanhã.
O objetivo da marcha é sensibilizar a população e líderes mundiais sobre a necessidade de agir rapidamente para evitar o aumento da temperatura do planeta.
Outro mote do encontro é fazer com que as pessoas percebam que não se pode mais usar combustíveis fósseis como se eles não causassem mal algum à natureza.
Echomundo apoiou a iniciativa e também esteve presente no barco “Rainbow Warrior” para conhecer e interagir com a equipe do Greenpeace que viaja o mundo realizando outras ações.
Leia Mais